Quibe vegano de feijão fradinho

Receita de quibe assado vegano –  fácil de fazer e ótima para congelar

  • 1 xícara de trigo para quibe
  • 1 xícara de feijão fradinho
  • 1 inhame pequeno
  • 1/2 cebola picada
  • 1 c de sopa de linhaça
  • canela e hortelã à gosto
  • sal à gosto

Faça o remolho de 12 horas do feijão fradinho. Despreze a água e leve o feijão para cozinhar. Em outra panela cozinhe o inhame.

Num recipiente, deixe o trigo hidratando em água morna por 30 min. Faça o mesmo com a linhaça (1 c de linhaça para 3 colheres de água morna).

Após cozido, bata o feijão, o inhame, o sal, hortelã e canela num processador. Adicione tbm a linhaça. Junte esta mistura com a cebola picada e o trigo e misture bem com as mãos. Disponha em uma assadeira e leve ao forno 180º por 30 min. Cai bem com molho de tahine (aguardem o próximo post) e uma salada verde de acompanhamento.

Risoto Vegano de Arroz Negro

Além de ser super fácil de fazer, este risoto de arroz negro tem um sabor todo especial. Vale testar!

Ingredientes:

1 e 1/2 xic de arroz negro

1 cebola picada

1 bandeja de shitake

1/2 xic de vinho branco

4 xic de caldo de legumes

azeite

Rúcula picada e batata palha para finalizar

Modo de preparo: Refogue a cebola no azeite. Acrescente o arroz e refogue tbm. Coloque o vinho até que o álcool evapore. Como o arroz não tem a cremosidade dos grãos tradicionalmente utilizados para risoto, você pode colocar 2 a 3 xícaras de caldo de legumes e deixar cozinhar o arroz em fogo baixo por 25 a 30 minutos. Reserve o restante do caldo para finalizar o seu risoto. Em outra panela refogue o shitake. Assim que a água do arroz começar a secar, adicione o shitake e vá mexendo, incluindo  o restante do caldo de legumes até que o arroz fique cremoso e levemente al dente. Finalize com rúcula picada e batata palha (opcional para enfeitar). Bom apetite!

 

 

 

 

 

Substitutos de ovos na dieta vegana

Tanto novatos quanto os mais experientes na cozinha vegana podem estar à procura de substituições parar usar nas receitas não veganas. Para todos os ingredientes não veganos, existe pelo menos um par de substitutos veganos.

 

Um ótimo substituto para ovos mexidos é tofu mexido. Você pode fazer sua receita ou comprar uma receita pronta. Outro substituto para o ovo é o gel da linhaça. Basta deixar a linhaça de molho em água de um dia para o outro, e usar o líquido gelatinoso. Nesse caso, o gel é usado para dar liga para massas, funcionando como a clara do ovo. Bananas amassadas, em receitas doces, também servem para dar liga, e ficam deliciosas como substitutas aos ovos.

Maionese de Couve-flor

Ingredientes

300 gramas de couve-flor cozida (cerca de 3 xícaras ou uma unidade pequena)
1/3 de xícara (de chá) de azeite
1 colher (de sopa) de suco de limão
1 dente de alho pequeno sem o miolo
Sal a gosto
Pimenta a gosto

Modo de preparo

Antes de tudo, corte a couve-flor em pedaços menores e cozinhe até ficar bem macia, quase desmanchando. E escorra toda a água. Eu prefiro usar os “galhinhos” com as flores, pois ficam mais macios. Se for usar os talos, cozinhe bem, senão a maionese pode ficar meio pedaçuda. Eu costumo cozinhar na água fervente, mas acredito que dê certo no vapor também.
Em um liquidificador, coloque a couve-flor cozida, o azeite, o suco de limão, um dente de alho pequeno sem o miolo (para não ficar tão ardido) e tempere com sal e pimenta moída a gosto.
Bata bem, até obter uma mistura bem uniforme. Está pronto!

 

 

#vegan #veganismo

RECEITAS VEGANAS DE NATAL – Rocambole de Lentilha

Modo de preparo

Coloque a lentilha em uma vasilha, cubra com o dobro de água e deixe de molho por 8 horas. Escorra, lave bem e coloque em uma panela, juntamente com 1 e 1/2 xícara de água e as folhas de louro e deixe cozinhar.
Enquanto isso, coloque a quinoa em uma vasilha pequena, cubra com água quente e deixe de molho por 2 minutos. Escorra lave bem e reserve.
Quando a lentilha estiver quase sem água, retire as folhas de louro, adicione a quinoa, misture e deixe cozinhar até a água do cozimento secar completamente.
Em seguida, adicione o azeite, o alho, a cebola, o suco de limão, o cominho, o orégano e tempere com sal a gosto. Misture bem e deixe cozinhar por cerca de 3 minutos, mexendo sempre para não queimar.
Desligue e acrescente a farinha de trigo integral, a aveia em flocos, misture bem e deixe esfriar completamente, para não atrapalhar a montagem (vai levar cerca de uma hora e meia).
Enquanto isso, prepare o molho de tomate e o purê conforme o seu gosto. Também cozinhe 6 unidades de vagem e 6 palitos grandes de cenoura em água fervente por 5 minutos. Escorra e reserve.
Pré aqueça o forno a 240ºC e coloque uma folha de papel manteiga com cerca de 40cm sobre uma superfície limpa. Distribua a mistura de lentilha e quinoa até formar um retângulo com cerca de 30cmx20cm e aperte bem, ajeitando as laterais.
Dê 2cm de distância da borda e distribua uma camada de purê. Disponha a vagem e a cenoura sobre ele e em seguida enrole o rocambole. Procure deixar o rocambole bem firme, e para isso aperte bem.
Unte uma assadeira antiaderente com uma colher de sopa de óleo, disponha o rocambole sobre ela, ajeite as laterais e pincele óleo sobre toda a superfície dele.
Leve para assar por 30 minutos a 240ºC e em seguida retire do forno. Cubra o rocambole com metade do molho e deixe a outra parte para a hora que for servir.
Devolva ao forno por mais 10 minutos e está pronto! Regue com azeite para servir.

Dicas

  • Você pode fazer a massa de lentilha e quinoa no dia anterior da sua ceia e deixar em uma vasilha fechada, na geladeira, para montar no dia seguinte. Eu fiz e deu certo, apenas mexi um pouco antes de por sobre o papel manteiga. Caso a sua massa ficar um pouco ressecada regue com um fiozinho de azeite.
  • Esta receita serve muito bem 6 pessoas, e você pode servir seu rocambole junto de arroz, maionese, salada, farofa…
  • Como somos apenas 2 e fiz alguns testes, sobrou um pouco de rocambole aqui. Na geladeira ele aguentou 3 dias bem fechadinho em um pote. Para servir eu fatiei e esquentei na frigideira em fogo baixo com um fio de azeite. Também congelei, mas ficou apenas 2 semanas lá. Para servir, tirei do freezer, esperei descongelar e esquentei também na frigideira, fatiado.

Agrião

Um micronutriente que merece muita atenção num cardápio vegetariano estrito é o cálcio, já que a ingestão de alguns alimentos fonte deste nutriente (como os derivados do leite) não acontece neste tipo de dieta. As verduras verde escuras são boas fontes de cálcio, porém como e quanto consumir???

A dica de hoje é o agrião.

100g de agrião contém 133mg de cálcio (mesma quantidade do que 100ml de leite – fonte: Taco, 2011). Porém dificilmente conseguimos consumir 100g de agrião na forma crua. Por outro lado, ao refogar esta verdura, o volume diminui drasticamente e logo, fica muito mais fácil ingerir grandes quantidades de agrião.

 

 

#agrião #veganismo#vegetariano #vegetariana #vegan #dietavegana #nutriçãovegetariana #nutrição #nutricionistavegana #nutricionista

Molho pesto vegano

O molho pesto é um clássico da culinária italiana, tradicionalmente feito com folhas de manjericão e queijo, faz muito sucesso aqui no Brasil. Que tal uma receitinha vegana?

 

Além do pesto de manjericão, é possível preparar versões alternativas caso não goste muito dessa erva, como pesto de rúcula, de azeitonas, de abobrinha e de tomates seco.

 

As formas de consumir o pesto são inúmeras. Pode ser usado como molho de macarrão, espalhar sobre uma fatia de pão tostado, servir sobre saladas, brusquetas e pizzas. Se você ama o pesto como eu, pode muito bem fazer bastante e congelar em pequenos frascos, depois é só descongelar na geladeira ou em temperatura ambiente e utilizar normalmente.

INGREDIENTES:
3 xíc. de folhas de manjericão
1/2 xíc. de nozes (ou castanha de caju ou do Pará)
4 colheres de sopa de azeite de oliva
1 colher de chá de sal
1/4 colher de chá de pimenta do reino (opcional)

COMO FAZER:
1- Coloque todos os ingredientes no processador ou liquidificador e triture até ficar homogêneo. Desligue o processador ou liquidificador de vez em quando e raspe a lateral com uma espátula ou colher e volte a bater, assim a mistura ficará mais homogênea. Se você tiver um pilão e socador, pode utilizá-los para triturar os ingredientes. Caso esteja difícil triturar, adicione mais azeite de oliva quanto baste;
2- Se não for usar logo, transfira o pesto para um pote com tampa e armazene na geladeira por até três dias. Use quando necessário para incrementar pratos.

 

DICA: Você pode adicionar 1/2 dente de alho pequeno e gotas de limão para ficar mais saboroso.

 

Manteiga vegana de aquafaba

Ahh uma manteiga com pão…. Como nos tráz recordações não é mesmo?
Existem algumas marcas veganas de manteigas que você encontra em loja de produtos naturais, mas elas nem sempre são acessíveis a todos. Logo, esta receitinha a base de aquafaba é de inspirar qualquer café da manhã!

Ingredientes
60 ml aquafaba (TEM RECEITA AQUI NO BLOG MESMO)

1/2 xícara óleo de coco

4 colher sopa azeite de oliva

1/3 colher chá açafrão-da-terra

1/2 colher chá vinagre

1/3 colher chá sal

Bater a aquafaba na batedeira até virar a colher e não cair (cerca de 15 minutos). Misturar o restante dos ingredientes com a exceção do óleo de coco. Derreter o óleo de coco para que esteja líquido. Adicionar a mistura quando não estiver mais quente e levar a geladeira por cerca de 4 horas. Deixar destampada, só depois de firme tampar o recipiente.

Tempo de preparo 15 minutos

Aquafaba – essencial para receitas veganas

A receita de hoje não é bem um prato delícia cheio de sabor, mas é uma dica valiosa para o seu dia a dia vegetariano ou vegano. A aquafaba pode ser utilizada em todas as receitas que pedem  clara de ovos ou claras em neve! A aquafaba pode ser feita a partir do cozimento do feijão, ervilha, soja…porém, a do grão de bico é o que proporciona sabor mais neutro e melhor consistência nas receitas vegetarianas/ veganas. Abaixo eu listo algumas ideias de receitas com aquafaba e também com o grão de bico cozido. Além de substituir perfeitamente as claras em neve a aquafaba rende bastante e tem o custo baixo.
O que eu posso fazer com aquafaba?
Maionese vegana
Merengue/Suspiro
Mousses

Pudim de claras vegano
Cobertura de bolo ou cup cakes (Glacê)
Qualquer bolo que exija claras em neve
O que eu posso fazer com o grão de bico utilizado no preparo?
Salada de grão de bico..
Húmus
Falafel

Hambúrguer de grão de bico
Creme de grão de bico (sopa)
Quibe à base de grão de bico
Grão de bico ao curry

Obs: Deixar o grão de bico de molho em água de um dia para o outro em meio ácido (gotas de limao, vinagre) e cozinhar com folha de louro para reduzir a quantidade de ácido fítico

Bebida de Inhame – Receita Vegana

As bebidas vegetais não devem ser chamadas de leite vegetais, pois não substituem o leite de vaca (as plantas tampouco possuem mamas para produzir leite). São bebidas super nutritivas, mas nutricionalmente diferentes. Ou seja, são opções de bebidas vegetarianas/ ou veganas saudáveis, que de aparência e textura PODEM lembrar o leite (particularmente eu acho estas bebidas muito mais saborosas, além de causarem muito menos impacto no meio ambiente).

Bebida Vegetal de Inhame – Receita vegetariana/ vegana

1 xícara de chá de inhame cozido
1xícara de chá de castanha do Pará de remolho por 8horas
1 pitada de sal
Água para cobrir
Ferva o inhame em água. Descarte a água e bata o inhame no processador ou mixer. Acrescente as castanhas e o sal e bata novamente até ficar homogêneo. Acrescente mais agua caso necessite.
Coe com um pano limpinho ou voal.
Não descarte o bagaço, pois pode ser utilizado para farofas, bolos, panquecas etc.