Criança pode ser vegana?

 

 

Como qualquer outro tipo de alimentação, a dieta vegana pode ser tanto saudável quanto não saudável. Tudo depende do planejamento, dos hábitos da criança e da família, variedade de produtos etc. A dieta bem orientada e acompanhada por profissional qualificado não causará nenhum prejuízo, porém há necessidade de suplementação de vitamina B12 (como para adultos). Caso necessário, pode-se entrar também com suplementação de outros micronutrientes, mas isto não mandatório.

 

Até os 6 meses de idade a alimentação deve ser somente via aleitamento materno. A partir daí e até os 2 anos de idade, outros grupos de alimentos (cada um no seu momento) devem ser introduzidos. Não há necessidade de introduzir nenhum produto de origem animal (a não ser o leite materno), e quanto mais cedo a criança ser exposta aos diferentes alimentos de origem vegetal, melhor a aceitação. Até o 2º ano de vida, deve haver muita cautela com, ou mesmo não ser oferecido, derivados da soja, por esta ter difícil digestão e alta alergenicidade. Outro cuidado é com as oleaginosas, que também podem causar alergias. A partir do 6º mês, as leguminosas e cereais (bem cozidos e sempre fazendo o remolho das leguminosas adequado) devem constar na alimentação sendo estes alimentos (em conjunto ao leite materno), quando em quantidade adequada e presente ao menos nas 2 refeições principais,  suficiente como fonte de proteína.

 

 

Nessa batalha, a nossa principal arma é a informação. Para combatermos mitos e desinformação é necessário não apenas organização, é necessário estarmos bem informados! Sem estarem com a razão, são usados argumentos falhos por aqueles que buscam a todo custo iludir a população sobre a suposta inviabilidade da dieta vegetariana ou vegana. Apesar de falhos, estes argumentos conseguem boa inserção na sociedade por meio da mídia, que é justamente onde precisamos estar atentos. A informação científica sobre o tema é clara: uma dieta vegana infantil, com o devido planejamento, é perfeitamente viável. É possível criar uma criança desde o nascimento vegana, desde que haja o devido planejamento nutricional, podemos. Note-se que planejamento nutricional é essencial para qualquer estilo alimentar, não sendo esta necessidade um sinal negativo em relação ao veganismo.

 

Uma dieta vegetariana bem planejada é completamente segura em todas as fases da vida, basta apenas informação sobre o assunto com a ajuda de profissionais especializados. É preciso substituir alimentos e fornecer todos os nutrientes necessários para se ter uma boa saúde, não apenas excluir certos alimentos. Os principais nutrientes que devem ser balanceados, neste caso, são os minerais como o ferro, o cálcio, zinco, gorduras do tipo ômega 3 e vitamina B12.

Deixe uma resposta